Notícias GetTI

O que é TI híbrida e por que as empresas estão adotando?

Toda empresa trabalha para que a tecnologia tenha um papel-chave no dia a dia do negócio, sendo um agente de transformação e de melhoria do fluxo de trabalho. No cenário atual, marcado pela transformação digital, isso pode ser um grande desafio: é necessário que as companhias adotem estratégias como a TI híbrida. 

Essas estratégias unificam a gestão das soluções e garantem mais qualidade para as rotinas que dependem de ferramentas tecnológicas.

Quer saber mais sobre o tema e como a TI híbrida acelera a sua empresa? Então, leia este post!

O que é TI híbrida?

TI híbrida é uma estratégia de gestão de TI em que soluções corporativas de software, dados e serviços são combinadas para entregar a melhor performance possível aos usuários. Mudando a forma como o gestor de TI vê o time de técnicos, os processos da área e as ferramentas digitais, essa metodologia pode acelerar a inovação no ambiente corporativo.

Em outras palavras, a TI híbrida é uma nova forma de ver a gestão de TI. Modelos como o de contratação de soluções como serviço, assim como CapEx e OpEx, passam a ser parte de um mesmo orçamento e processo de gestão. Da mesma forma, as soluções on-premise são administradas de modo centralizado com os ambientes de trabalho em nuvem, criando um ambiente de TI mais integrado.

Como a TI híbrida funciona?

Em um modo mais simples, a TI híbrida unifica serviços de TI, soluções de cloud computing e ferramentas locais em um único ambiente de gestão. O mesmo vale para os serviços contratados: eles também são gerenciados de modo unificado, como se fizessem parte do time interno.

Em outras palavras, a TI híbrida tem como característica a criação de um setor de TI em que todas as rotinas, serviços, produtos e soluções são vistas como “parte do mesmo corpo”. Assim, a empresa pode aproveitar melhor os recursos disponíveis e conseguir entregar mais qualidade aos seus usuários: os processos serão mais seguros, rápidos e inteligentes.

Qual o impacto que a TI híbrida pode ter no seu negócio?

Segundo o Relatório das tendências de TI: a evolução da TI híbrida, da Solarwinds, a TI híbrida está se destacando como uma das principais tendências do setor.

Quais são os benefícios que tornaram essa ferramenta de gestão tão popular? Veja a seguir alguns dos impactos da TI híbrida e entenda!

Infraestrutura mais flexível

Ter uma infraestrutura de TI flexível é algo que toda empresa que busca o sucesso no mercado atual deve procurar. Sem que as soluções de TI possam ser adaptadas a mudanças de mercado rapidamente, a empresa pode ter dificuldades para conseguir os resultados esperados e sofrer atrasos para atender às demandas de seus clientes e parceiros comerciais. Ou seja: uma TI pouco flexível gera perda de competitividade.

Com a TI híbrida, isso é contornado. O negócio terá mais meios para migrar os seus recursos e garantir que eles estejam sempre no ambiente de melhor performance. Consequentemente, a entrega de uma infraestrutura de alta qualidade para o usuário tornará as rotinas mais inteligentes e eficazes.

Redução de custos operacionais

A TI híbrida também contribui para reduzir custos. Uma vez que a empresa poderá manter os seus recursos sempre no ambiente mais adequado às suas necessidades, os desperdícios serão menos frequentes. Assim, as chances de a empresa manter uma infraestrutura subutilizada cairão drasticamente.

Maior escalabilidade de serviços de TI

No cenário atual, ter uma infraestrutura escalável é algo que toda empresa deve buscar. Se os recursos podem ser ampliados ou reduzidos a qualquer momento, a companhia terá mecanismos para cortar gastos e melhorar a sua performance a qualquer momento.

Nesse sentido, a TI híbrida deve ser vista como um meio de ganhar mais escalabilidade. Sempre que necessário, o gestor poderá migrar recursos para a nuvem, entregando uma performance contínua aos usuários. Como consequência, os níveis de produtividade interna serão aprimorados e, assim, a empresa poderá entregar mais aos seus clientes e parceiros comerciais.

Segurança de dados aprimorada

Todo negócio busca mais segurança digital. Os últimos três anos foram marcados por ataques cada vez mais complexos e prejudiciais.

Os ransomwares, por exemplo, são capazes de interromper as atividades de toda uma companhia. Já os ataques DDoS conseguem inviabilizar os serviços web de grandes negócios e, assim, gerar prejuízos.

Com a adoção da TI híbrida, no entanto, a empresa pode melhorar a sua gestão de Ti continuamente. Novos mecanismos de segurança serão aplicados com facilidade, dando mais confiabilidade aos usuários.

A troca de informações, por exemplo, será criptografada. Já a definição de políticas de controle será centralizada, o que permite a manutenção de um ambiente com normas uniformes. Além disso, as atualizações poderão ser distribuídas com prazos baixos.

Em conjunto, esses fatores reduzem riscos de segurança e melhoram a infraestrutura. A empresa terá um ambiente mais robusto e preparado para lidar com as demandas externas, sem que a sua privacidade seja comprometida.

Maior controle sobre os recursos operacionais

O controle dos recursos operacionais traz para a empresa a capacidade de garantir mais performance para os seus ativos. Com a TI híbrida, esse processo é feito de modo centralizado, o que reduz as chances de ocorrerem gargalos.

O monitoramento de recursos, por exemplo, será feito de modo abrangente. Consequentemente, sempre que uma falha ocorrer, a equipe poderá atuar rapidamente para eliminá-la. Assim, o seu impacto cairá drasticamente.

Ao mesmo tempo, as melhorias são aplicadas facilmente. Dessa forma, a empresa garante que os seus funcionários sempre terão acesso a uma infraestrutura de alta qualidade.

O termo “híbrido” geralmente está associado a uma série de benefícios. Os veículos que possuem motores híbridos, por exemplo, conseguem apresentar melhor consumo de combustível e, assim, poluir menos o meio ambiente. Já a cloud híbrida torna a empresa muito mais flexível, e a sua distribuição de recursos, mais inteligente.

No ambiente da tecnologia, a TI híbrida deve ser vista como uma solução estratégica para uma série de desafios do mercado atual. Mantendo o time de TI trabalhando de modo unificado e integrado, o gestor pode reduzir o desperdício de recursos e garantir mais qualidade para os serviços que forem entregues ao usuário.

Além disso, a TI híbrida reduz riscos e maximiza a disponibilidade dos recursos. Com uma gestão centralizada, a empresa melhora o modo como as ferramentas são distribuídas e garante mais confiabilidade para a infraestrutura. Assim, a tecnologia será integrada a mais processos, dando mais competitividade para a empresa como um todo.

Gostou do nosso post sobre TI híbrida e quer receber outras dicas sobre TI? Então, assine já a nossa newsletter!

Notícias relacionadas