Notícias GetTI

O que é a Cloud Híbrida e quais as suas vantagens?

A computação na nuvem é conhecida por ser uma tecnologia que exige um baixo investimento e apresenta alto nível de flexibilidade. Ela pode ser adaptada a vários processos corporativos, gerando mais competitividade e mobilidade para o negócio. E entre os tipos de nuvem existentes, a cloud híbrida é conhecida como um dos modelos mais flexíveis.

Conhecida por combinar as melhores características das nuvens pública e privada, a cloud híbrida tornou-se um investimento chave para muitos negócios. Quer saber as razões e como esse tipo de nuvem é estruturado? Então confira agora mesmo o nosso post!

O que é a computação em nuvem híbrida?

Como o próprio nome aponta, a cloud híbrida é um modelo de computação em nuvem que combina as características da nuvem pública e da nuvem privada em um mesmo ambiente. Conexões entre uma infraestrutura de private cloud e public cloud são criadas, permitindo que o setor de TI tenha mais agilidade e segurança para definir como os seus recursos serão manejados.

Com poucos cliques, é possível alternar entre os dois ambientes e, assim, ter mais flexibilidade no dia a dia. A empresa poderá executar um número maior de ferramentas na nuvem, reduzindo gargalos e problemas de performance.

Como esse modelo diferencia-se de outras infraestruturas de cloud computing?

A computação em nuvem híbrida consegue combinar as principais vantagens da nuvem privada e da nuvem pública em um único ambiente. Assim, usuários podem ter um nível de personalização maior e, com isso, criar processos mais inteligentes.

Na nuvem publica, por exemplo, o nível de controle sobre a infraestrutura é baixo. A empresa responsável pela infraestrutura de cloud executa grande parte dos processos de manutenção, atualização de sistemas e controles de segurança.

O usuário pode focar mais no uso das aplicações e manter políticas de governança e gestão de TI mais práticas. Além disso, o valor necessário para manter os serviços cairá. Porém, não será possível personalizar todos os aspectos da infraestrutura.

Já na nuvem privada, o negócio é responsável por todas as rotinas de manutenção, backup e gestão de TI. Da atualização de sistemas à troca de dispositivos, tudo será executado pelos técnicos internos.

A empresa terá um ambiente de trabalho mais personalizado, porém necessitará de mais recursos para manter a nuvem integrada ao seu ambiente de trabalho. Isso pode levar a um aumento dos gastos quando comparamos com modelos de cloud computing públicos.

Na cloud híbrida, todos esses fatores são combinados. A empresa terá um ambiente público, com alta escalabilidade e baixo custo de manutenção. Ao mesmo tempo, o negócio possuirá um ambiente privado, moldado às suas necessidades e com alto nível de controle.

Quais as vantagens de investir na nuvem híbrida?

O investimento na nuvem híbrida pode trazer uma série de ganhos para a empresa. Conforme as necessidades de cada setor, a companhia conseguirá otimizar rotinas e dar mais qualidade para os serviços do negócio. Veja abaixo alguns dos principais impactos que esse investimento traz para o seu dia a dia!!

Maior flexibilidade

Uma das principais características da cloud híbrida é a sua flexibilidade. Como esse modelo permite ao empreendimento direcionar recursos para ambientes privados e publicados de computação em nuvem rapidamente, torna-se mais fácil avaliar qual a melhor forma de estruturar um conjunto de soluções de TI que esteja baseado no cloud computing.

Se a empresa necessitar de mais escalabilidade para uma aplicação estratégica, atender demandas sazonais como vendas de fim de ano ou black friday, por exemplo, basta migrá-la para o ambiente de cloud público. Por outro lado, se o serviço de TI demandar algum controle de segurança personalizado, o setor de TI pode mantê-lo em um ambiente privado. Assim, os usuários terão sempre o acesso garantido a ferramentas que foram configuradas para terem a melhor experiência de uso possível.

Melhor segurança

A cloud híbrida também permite que a empresa tenha um bom nível de segurança de dados para as suas aplicações mais críticas. Sempre que for necessário, o gestor de TI poderá aplicar regras personalizadas para o ambiente de trabalho. Como tais normas são gerenciadas de forma centralizada, a empresa conseguirá aplicar mudanças rapidamente.

O monitoramento dos recursos também é unificado e isso é algo crucial, uma vez que rotinas de gestão bem estruturadas são um passo chave para a empresa responder rapidamente a tentativas de ataque.

Aumento da mobilidade

A cloud híbrida também pode trazer mobilidade para o negócio. Como os recursos passam a ficar disponíveis pela web para todos os usuários, a empresa poderá flexibilizar as suas rotinas sem perder competitividade. Regimes de trabalho à distância, assim como políticas como a BYOD, não representarão um risco à qualidade dos serviços da companhia.

Com um ambiente mais flexível, o negócio elimina custos e pode responder às necessidades de clientes e parceiros comerciais com agilidade. Assim, a empresa mantém-se competitiva e capaz de atingir as suas metas de médio e longo prazo, mesmo em momentos de alta demanda pelos seus serviços.

Redução de custos

A redução de custos é um dos principais motivos para empresas utilizarem a nuvem. Com a cloud híbrida, o negócio conseguirá manter os seus gastos com um alto nível de controle.

Os gastos com infraestrutura subutilizada deixarão de existir. A companhia pagará apenas por aquilo que é utilizado pelos seus usuários, diminuindo desperdícios financeiros.

A longo prazo, essa economia poderá ser utilizada para novos investimentos estratégicos. Como consequência, a empresa criará um ciclo de aumento de competitividade, em que os seus processos sempre serão executados com o apoio de tecnologias de ponta.

Investindo na cloud híbrida, a empresa tem mais flexibilidade e agilidade para lidar com as demandas do seu dia a dia. O negócio poderá controlar melhor o uso de seus recursos, reduzindo custos e melhorando o tempo de resposta às demandas do mercado.

Além disso, a empresa poderá eliminar gargalos em suas rotinas, aumentando a sua competitividade. E como esse modelo tem alto nível de flexibilidade, a companhia poderá integrar a cloud híbrida em todos os seus processos.

E aí, gostou da nossa dica e quer receber mais informações sobre novas tecnologias e tendências do setor? Então siga a gente agora mesmo em nossas redes sociais! Estamos no Facebook, no LinkedIn e no Twitter.

Notícias relacionadas